Internacional


10/01/2020

As diferenças entre sunitas e xiitas, que explicam boa parte dos conflitos no Oriente Médio

O aiatolá Ali Khamenei, líder do Irã, e o príncipe Mohammed bin Salman, príncipe herdeiro da Arábia Saudita Direito de imagem Getty Images
Image caption O aiatolá Ali Khamenei, líder do Irã, e o príncipe Mohammed bin Salman, príncipe herdeiro da Arábia Saudita

Essa é grande divisão do mundo muçulmano: sunitas e xiitas. Hoje, ela está particularmente em evidência por causa das tensões entre Estados Unidos, seu grande aliado na região, a Arábia Saudita, e o Irã.

Ambos os países estão envolvidos em uma luta feroz pelo domínio regional ? e essa disputa de décadas é agravada por essas diferenças religiosas.

Cada um deles segue um ramo: o Irã é majoritariamente xiita, enquanto a Arábia Saudita tem os sunitas como principal vertente.

A divisão remonta ao ano de 632 e à morte do profeta Maomé, que resultou em uma luta pelo direito de liderar os muçulmanos. De certa maneira, essa disputa continua até hoje.

Embora as duas vertentes coexistam há séculos, compartilhando muitas crenças e práticas, sunitas e xiitas mantêm diferenças importantes em questões de doutrina, rituais, leis, teologias e organização.

Direito de imagem Reuters
Image caption Mohammad bin Salman é o atual príncipe herdeiro da Arábia Saudita, país de maioria sunita

Seus respectivos líderes também tendem a competir por influência religiosa.

E da Síria ao Líbano, passando por Iraque e Paquistão, muitos conflitos recentes enfatizaram ou até agravaram essa divisão, separando comunidades inteiras.

A BBC News Mundo, serviço em espanhol da BBC, explica nesta reportagem em que consistem esses dois ramos do Islã e suas principais diferenças.

Quem são os sunitas?

Os sunitas são a maioria entre os muçulmanos ? cerca de 86% a 90% pertencem a essa corrente. Os adeptos se consideram o ramo mais tradicional e ortodoxo do Islã.

De fato, o nome sunitas vem da expressão "Ahl al-Sunna": "o povo da tradição". Nesse caso, a tradição se refere a práticas derivadas das ações do profeta Maomé e seus parentes.

Assim, os sunitas veneram todos os profetas mencionados no Alcorão, mas particularmente Maomé, que é considerado o profeta supremo. Já os líderes muçulmanos subsequentes são vistos como figuras temporárias.

Em contraste com os xiitas, professores sunitas e líderes religiosos têm historicamente ligações com o Estado e com governos.

A tradição sunita, que tem a maior expressão na Arábia Saudita, também defende um sistema jurídico islâmico claramente codificado, além de pertencer a uma das quatro escolas de direito.

Direito de imagem Getty Images
Image caption Muitos clérigos xiitas participaram de manifestações no Irã e no Iraque após morte do general Soleimani

Quem são os xiitas?

Os xiitas começaram como uma facção política: literalmente "Shiat Ali", ou partido de Ali.

O Ali em questão era genro do profeta Maomé, e os xiitas reivindicam o direito dele e o de seus descendentes de liderar os muçulmanos.

Ali foi morto como resultado de intrigas, violência e guerras civis que marcaram seu califado. Ele tinha dois filhos, Hassan e Hussein. No entanto, foi negado a eles o direito ? que muitos consideravam legítimo ? de suceder Ali

Acredita-se que Hassan foi envenenado por Muawiyah, o primeiro califa ? isto é, o líder dos muçulmanos da dinastia omíada. Já seu irmão Hussein morreu em um campo de batalha, junto com vários membros de sua família.

Esses eventos estão por trás do conceito xiita de martírio e rituais de luto.

De fato, a fé xiita também é caracterizada por um elemento messiânico. Os religiosos dessa vertente também têm uma hierarquia de clérigos que praticam uma interpretação aberta e constante dos textos islâmicos.

Estima-se que atualmente existam entre 120 a 170 milhões de fiéis xiitas, aproximadamente um décimo de todos os muçulmanos.

Eles são a maioria da população no Irã, Iraque, Bahrein, Azerbaijão e, segundo algumas estimativas, também do Iêmen.

Mas também existem comunidades xiitas importantes no Afeganistão, Índia, Kuwait, Líbano, Paquistão, Catar, Síria, Turquia, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.

Direito de imagem Getty Images
Image caption Nos países governados por sunitas, os xiitas geralmente estão entre a parcela mais pobres da sociedade

Qual o papel dessa divisão nos conflitos políticos?

Nos países governados por sunitas, os xiitas geralmente fazem parte da parcela mais pobre da sociedade e se vêem como vítimas de opressão e discriminação.

Alguns extremistas sunitas também pregam ódio contra os xiitas.

Em 1979, a revolução iraniana lançou uma agenda islâmica radical do lado xiita, o que desafiou os governos sunitas conservadores, particularmente no Golfo Pérsico.

Direito de imagem Getty Images
Image caption A divisão determina alianças e inimigos no Oriente Médio

E a política de Teerã de apoiar partidos xiitas e milícias em países vizinhos foi compensada pelos países do Golfo com mais apoio aos governos e movimentos sunitas no exterior.

Por exemplo, durante a guerra civil no Líbano, os xiitas ganharam destaque graças às atividades militares do Hezbollah.

E os extremistas sunitas, como o Talebã, fizeram o mesmo no Paquistão e no Afeganistão, onde frequentemente atacam locais de culto xiitas.

Inimigo comum

Enquanto isso, os conflitos atuais no Iraque e na Síria também adquiriram tintas sectárias.

Muitos jovens sunitas se juntaram aos grupos rebeldes nesses países, muitos dos quais reproduzem a ideologia extremista da Al Qaeda, um grupo sunita.

Já seus colegas xiitas geralmente lutam nas forças do governo ou ao lado delas, embora o Irã e a Arábia Saudita tenham identificado um inimigo comum: o auto-denominado Estado Islâmico.

Direito de imagem Getty Images

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!


Mais de Internacional

Coronavírus na China: o que se sabe sobre a misteriosa doença após confirmação de transmissão entre humanos

Coronavírus na China: o que se sabe sobre a misteriosa doença após confirmação de transmissão entre humanos

O clube que reúne pessoas para decorarem seus próprios caixões

'Megxit': 5 perguntas ainda sem resposta sobre o futuro de Harry e Meghan

'Megxit': 5 perguntas ainda sem resposta sobre o futuro de Harry e Meghan

Harry: o príncipe 'festeiro' que decidiu trilhar seu próprio caminho

Harry: o príncipe 'festeiro' que decidiu trilhar seu próprio caminho

Harry e Meghan: Não havia outra opção senão recuar, diz o príncipe

Harry e Meghan: Não havia outra opção senão recuar, diz o príncipe

'Megxit': Sem dinheiro público ou títulos reais, o que vai acontecer com Harry e Meghan?

'Megxit': Sem dinheiro público ou títulos reais, o que vai acontecer com Harry e Meghan?

Polarização política gera 'guerra' sobre o que ensinar nas escolas americanas

Polarização política gera 'guerra' sobre o que ensinar nas escolas americanas

As adolescentes holandesas que seduziam e matavam nazistas

As adolescentes holandesas que seduziam e matavam nazistas

Uruguai prepara programa para atrair moradores estrangeiros

Uruguai prepara programa para atrair moradores estrangeiros

Wallis Simpson: a americana divorciada que abalou a monarquia britânica nos anos 30

Wallis Simpson: a americana divorciada que abalou a monarquia britânica nos anos 30

Como terremotos em Porto Rico estão mudando o relevo da ilha

Como terremotos em Porto Rico estão mudando o relevo da ilha

Fogueiras de livros e lavagem cerebral: quem foi Goebbels, ministro de Hitler parafraseado por secretário de Bolsonaro

Fogueiras de livros e lavagem cerebral: quem foi Goebbels, ministro de Hitler parafraseado por secretário de Bolsonaro

Como 4 países europeus estão lutando para que seus cidadãos tenham mais filhos

Como 4 países europeus estão lutando para que seus cidadãos tenham mais filhos

'Homens-morcego' atravessam 'Portão do Céu' voando na China; veja

Menina de 3 anos e cão são encontrados a 3 km de casa após sumirem em meio a inundação na Austrália

Menina de 3 anos e cão são encontrados a 3 km de casa após sumirem em meio a inundação na Austrália

Economia e qualidade de vida: como o Brasil se posiciona em relação aos indicadores dos países da OCDE

Economia e qualidade de vida: como o Brasil se posiciona em relação aos indicadores dos países da OCDE

Etnopornô, a exploração sexual de mulheres indígenas em vídeos pornográficos no México

Etnopornô, a exploração sexual de mulheres indígenas em vídeos pornográficos no México

Quais os planos de Putin por trás da proposta de reforma que derrubou parte do governo russo

Quais os planos de Putin por trás da proposta de reforma que derrubou parte do governo russo

O momento em que avião despeja combustível sobre escolas de Los Angeles

O que é o peito escavado, condição que muitos pensam ser estética, mas pode matar

O que é o peito escavado, condição que muitos pensam ser estética, mas pode matar

EUA e China assinam acordo após 2 anos de guerra comercial: o que mudou ao longo da disputa?

EUA e China assinam acordo após 2 anos de guerra comercial: o que mudou ao longo da disputa?

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

Pobreza na China: morre jovem que se alimentou só de arroz e pimenta por 5 anos

Pobreza na China: morre jovem que se alimentou só de arroz e pimenta por 5 anos

'Nossas vidas são descartáveis': como a tensão entre EUA e Irã afeta os iranianos-americanos

'Nossas vidas são descartáveis': como a tensão entre EUA e Irã afeta os iranianos-americanos

Queda de avião no Irã: 3 fatores que levaram à derrubada do Boeing ucraniano por engano

Queda de avião no Irã: 3 fatores que levaram à derrubada do Boeing ucraniano por engano

O país onde ginecologistas se recusam a atender mulheres solteiras

Diego, tartaruga gigante que salvou a própria espécie, vai se aposentar em Galápagos

Rainha concorda com 'período de transição' que permite a Harry e Meghan passar tempo no Canadá

Rainha concorda com 'período de transição' que permite a Harry e Meghan passar tempo no Canadá

Incêndios na Austrália: por que os aborígenes dizem que a mata precisa queimar

Incêndios na Austrália: por que os aborígenes dizem que a mata precisa queimar

O mistério das centenas de milhões de dólares que desapareceram sem deixar rastro na Rússia

O mistério das centenas de milhões de dólares que desapareceram sem deixar rastro na Rússia

Vulcão Taal: Erupção de vulcão se transforma em fundo impressionante para fotos de casamento nas Filipinas

Vulcão Taal: Erupção de vulcão se transforma em fundo impressionante para fotos de casamento nas Filipinas

Por que queda de avião pode ser momento decisivo para futuro do Irã

Por que queda de avião pode ser momento decisivo para futuro do Irã