Internacional


08/10/2019

De capital transferida a milhares nas ruas, o que está acontecendo no Equador?

Protesto em Quito na segunda-feira Direito de imagem AFP
Image caption Protesto em Quito na segunda-feira, contra fim no subsídio no preço dos combustíveis

O presidente do Equador, Lenín Moreno, mudou temporariamente o governo da capital Quito para a cidade costeira de Guayaquil, no mais recente capítulo da maior crise política do país nos últimos anos.

Os protestos foram originalmente liderados por sindicatos ligados ao setor de transporte, afirmando que o fim dos subsídios a combustíveis está levando a um aumento no preço de itens básicos de consumo.

O governo, por sua vez, mandou prender 20 comerciantes acusados de aumentar o preço de produtos como milho, cebola, cenoura e batata, cujos valores são controlados.

"Não há justificativa para elevar os preços", afirmou a ministra do Interior, Maria Romo.

O Ministério de Energia também anunciou na segunda-feira (08/10) que as atividades em três campos de produção de petróleo na região amazônica foram suspensas "em razão da tomada das instalações por grupos de pessoas de fora da operação", segundo a agência France Presse.

O governo afirmou que isso afetará 12% da produção de petróleo do país, mas não afirmou quais grupos são responsáveis pela ação.

A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo
Protestos em Quito, capital do Equador

Bloqueios de estradas também afetaram a distribuição de combustível, levando a escassez em algumas partes do país.

Moreno, enquanto isso, afirmou que não vai voltar atrás quanto ao fim dos subsídios e declarou dois meses de estado de exceção.

Uma greve nacional está prevista para quarta-feira, informa a agência Reuters.

Jaime Vargas, líder indígena, disse que "mais de 20 mil indígenas vão chegar a Quito" para o protesto. Outro líder, Luis Iguamba, afirmou que será mantida a pressão sobre o governo.

A pressão é significativa do ponto de vista histórico, uma vez que protestos liderados por indígenas já foram parte importante, por exemplo, do processo de derrubada do presidente Jamil Mahuad, em 2000, durante outro período de crise.

Disputa de poder

Moreno também acusou seu antecessor, Rafael Correa (hoje em autoexílio na Bélgica), de orquestrar um "golpe".

Em discurso na noite de segunda-feira, Moreno afirmou que os protestos não são "uma manifestação de descontentamento social em decorrência de uma decisão do governo".

"Os saques, vandalismo e violência que vimos mostram que há uma motivação política organizada para desestabilizar o governo, romper a ordem constitucional e democrática", afirmou, agregando que Correa (seu antecessor e mentor político, antes de virar rival) e o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, estão por trás desses "plano de desestabilização".

Direito de imagem Secretaria General de Comunicación
Image caption Lenín Moreno (ao centro) com o comando militar do Equador; presidente afirma que protestos têm motivação política, e não popular

Em Bruxelas, Correa afirmou se tratar de uma "mentira". "(É absurdo) dizer que sou tão poderoso que com um iPhone em Bruxelas eu poderia liderar os protestos", declarou à Reuters. "A realidade é que as pessoas não aguentavam mais", em referência às medidas de austeridade implementadas por Moreno com apoio do Fundo Monetário Internacional (FMI).

Correa também afirmou que "se necessário, voltarei (ao Equador). Eu teria de ser candidato a algo, por exemplo, a vice-presidente".

Nesta terça-feira, o governo equatoriano afirmou estar aberto à mediação internacional, pela ONU ou pela Igreja Católica, para pacificar o país.

Por que Moreno eliminou os subídios?

Na semana passada, Moreno afirmou que o subsídio a combustíveis, que custa anualmente US$ 1,3 bilhão, não é mais viável economicamente.

A eliminação desses subsídios, inicialmente introduzidos nos anos 1970, é parte de um plano que, segundo Moreno, vai fortalecer a cambaleante economia equatoriana e aliviar seu déficit.

Como parte de um acordo de empréstimo de US$ 4,2 bilhões do FMI, o governo concordou em reduzir os gastos públicos.

Segundo a France Presse, o fim dos subsídios, a partir de 3 de outubro, levou a um aumento de 120% no preço dos combustíveis.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!


Mais de Internacional

O que se sabe sobre o atropelamento de dezenas de foliões em Carnaval da Alemanha

O que se sabe sobre o atropelamento de dezenas de foliões em Carnaval da Alemanha

Coronavírus: noivos nas Filipinas se casam usando máscaras

O ladrão que abandonou o crime após denunciar pornografia infantil que encontrou em um cofre

O ladrão que abandonou o crime após denunciar pornografia infantil que encontrou em um cofre

Coronavírus: drone mostra fila enorme por máscaras na Coreia do Sul

Como as 'faixas da morte' que dividiram Europa na Guerra Fria se tornaram santuários de vida selvagem

Como as 'faixas da morte' que dividiram Europa na Guerra Fria se tornaram santuários de vida selvagem

Coronavírus: grupo de k-pop BTS pede aos fãs que fiquem longe de shows para evitar transmissão

Coronavírus: grupo de k-pop BTS pede aos fãs que fiquem longe de shows para evitar transmissão

Coronavírus: Itália cancela futebol e Carnaval e isola cidades após 7 mortes

Coronavírus: Itália cancela futebol e Carnaval e isola cidades após 7 mortes

Por que a premiê da Finlândia diz que é mais fácil conquistar o ?sonho americano? nos países nórdicos

Por que a premiê da Finlândia diz que é mais fácil conquistar o ?sonho americano? nos países nórdicos

Como os romanos conseguiram construir Veneza sobre lama e água 15 séculos atrás

Como os romanos conseguiram construir Veneza sobre lama e água 15 séculos atrás

'Mad' Mike Hughes: Piloto americano morre em foguete caseiro que tentava provar que 'a Terra é plana'

'Mad' Mike Hughes: Piloto americano morre em foguete caseiro que tentava provar que 'a Terra é plana'

Eleições nos EUA: resultado preliminar aponta vitória de Bernie Sanders na prévia democrata em Nevada

Eleições nos EUA: resultado preliminar aponta vitória de Bernie Sanders na prévia democrata em Nevada

Eleições nos EUA: o que esperar da crucial primária democrata do Nevada

Eleições nos EUA: o que esperar da crucial primária democrata do Nevada

A extraordinária história de como a China conseguiu seu primeiro porta-aviões

A extraordinária história de como a China conseguiu seu primeiro porta-aviões

A surpreendente imagem de milhares de aves migrando captada por radar meteorológico

A surpreendente imagem de milhares de aves migrando captada por radar meteorológico

Coronavírus: por que é difícil encontrar o paciente zero da epidemia

Coronavírus: por que é difícil encontrar o paciente zero da epidemia

'Você é o que você guarda': o lado acumulador de Pablo Picasso

'Você é o que você guarda': o lado acumulador de Pablo Picasso

Quem é Roger Stone, amigo condenado à prisão que Trump defende publicamente

Quem é Roger Stone, amigo condenado à prisão que Trump defende publicamente

A seita apontada como ?viveiro? do coronavírus na Coreia do Sul

A seita apontada como ?viveiro? do coronavírus na Coreia do Sul

Coronavírus: um passeio por uma Pequim 'quase fantasma' por causa da epidemia

O brutal assassinato após tortura de menina de 7 anos que chocou o México 

O brutal assassinato após tortura de menina de 7 anos que chocou o México 

Sírio distrai filha com gargalhadas durante bombardeios: 'Ela não sabe o que é guerra'

As impressionantes imagens do navio fantasma que encalhou na Irlanda após atravessar o Oceano Atlântico

As impressionantes imagens do navio fantasma que encalhou na Irlanda após atravessar o Oceano Atlântico

'Por que esperei até os 41 anos para perder minha virgindade?

'Por que esperei até os 41 anos para perder minha virgindade?

Ataque armado deixa ao menos oito mortos em Hanau, na Alemanha

Ataque armado deixa ao menos oito mortos em Hanau, na Alemanha

A paciente que tocou violino durante a própria cirurgia cerebral

WikiLeaks: Trump ofereceu perdão a Julian Assange para que ele inocentasse russos, diz advogado

WikiLeaks: Trump ofereceu perdão a Julian Assange para que ele inocentasse russos, diz advogado

O Estado americano que está prestes a descriminalizar a poligamia

O Estado americano que está prestes a descriminalizar a poligamia

Reino Unido fecha as portas para trabalhadores não qualificados; entenda como será o sistema

Reino Unido fecha as portas para trabalhadores não qualificados; entenda como será o sistema

A empresa americana que defende ?compostagem humana? como alternativa ?verde? a enterro ou cremação

A empresa americana que defende ?compostagem humana? como alternativa ?verde? a enterro ou cremação

Mãe 'encontra' filha morta com ajuda de realidade virtual em programa de TV

Mãe 'encontra' filha morta com ajuda de realidade virtual em programa de TV

Por que George Soros está pedindo que Mark Zuckerberg deixe o comando do Facebook

Por que George Soros está pedindo que Mark Zuckerberg deixe o comando do Facebook

Mulher adotada encontra mãe biológica, descobre ter sido concebida após estupro e leva à prisão do pai

Mulher adotada encontra mãe biológica, descobre ter sido concebida após estupro e leva à prisão do pai